will you marry me?

Casais, tudo bom?

Espero que gostem do pedido de hoje!

“Eu e o “Farrel” (apelido que ele ganhou da priminha dele de 3 aninhos) nos conhecemos graças a insistência da minha melhor amiga. Nossa história começou em 2009, e a gente nem imaginava que fossemos nos conhecer, porque nesse meio tempo, ele namorou eu me enrolei e eu falava com minha amiga para ela tirar essa história da cabeça porque não acreditava nessas coisas. Graças a Deus e a insistência da Rafa nos conhecemos. Rafa muito obrigada! Você é meu anjo da guarda.

Bom, a Rafa na época namorava com um amigo muito próximo de Rafael, e insistia em dizer que o Rafa era meu “prometido”, mas a nossa história não começou nesse ano, só em 2011 que fomos nos conhecer e ficamos a primeira vez no dia do aniversário dele (22/01), em uma casa de eventos aqui de Vitória – ES. Eu brinco até hoje que o melhor presente de aniversário que ele ganhou na vida fui eu kkkkkkkk. Logo depois era meu aniversário e ele me pediu em namoro na madrugada do dia 13/02 um dia depois do meu aniversário (me recuso a comemorar aniversário e aniversário de namoro na mesma data kkkkkkk).

Namoramos cinco anos, e quando foi no final do ano passado nós começamos a mobiliar nosso apartamento. Estávamos muito empolgados, e começamos a falar em casamento. No inicio desse ano, o apartamento estava montado e não faltava quase nada, então eu já ficava imaginando quando que seria o pedido. Todas as datas especiais eram motivo para que se acendesse uma esperança no meu coração, mas quando o pedido não acontecia eu não ficava triste, porém ficava cada vez mais ansiosa.

Na semana passada, estava limpando o apartamento e arrumando algumas coisas em caixas e nos armários, quando ele falou para que a gente tirasse tudo de dentro das caixas, eu não entendi e perguntei porque, afinal de contas não eramos noivos e não tínhamos uma data para nos mudar, achei estranho porque as coisas iriam pegar poeira, ele respondeu dizendo que ficava muito feio as coisas dentro de caixas, aceitei mas já fiquei com uma pulga atrás da orelha. Neste mesmo dia perguntei para ele o que iriamos fazer no dia dos namorados, se ele queria que eu fizesse um jantar em casa, ou se a gente iria comemorar um dia antes ou um dia depois (temos esse costume há alguns anos já, ou fazemos alguma coisa em casa ou saímos no dia anterior ou posterior ao dia dos namorados kkkkkk)

ele não respondeu, falou que não sabia e que iria me responder na semana do dia dos namorados. Gente, pensa numa pessoa que fica ansiosa com essa indecisão? Mas, tentei me conter e aceitar. 

Na quinta feira (09/06) ele me mandou um mensagem dizendo que estava fazendo algumas contas e que esse ano só poderia me dar balinhas do coco recheadas (as do Franco, de Vila Velha, são as minhas favoritas) kkkkk. 

Quando foi sábado (dia 11/06) acordamos e fomos a feira (somos um casal bem diferente dos casais da nossa idade, todo sábado vamos a feira bem cedo kkkkkkk) entre uma compra e outra ele me perguntou se eu queria almoçar em Pedra Azul, na hora eu aceitei, sem nem titubear, lá tem um restaurante chamado Espaço Vellozia que nós temos um carinho muito especial, o dono é amigo de Rafael há muitos anos e a esposa dele cozinha como ninguém, se eu pudesse carregava o restaurante comigo de tanto que gosto kkkkkkkkk. Todas as vezes que fomos lá foi muito especial, ele fica na Rota do Lagarto e vale muto a pena a visita, os pratos são divinos.

Bom, nos arrumamos e pegamos a estrada. No meio do caminho o Farrel me perguntou se eu queria ir até a Altezza que é uma cervejaria maravilhosa em Venda Nova do Imigrante, e eu falei que sim. Gente pensa numa paisagem linda, pena que nesse dia a neblina baixou tanto que encobriu a vista, mas mesmo assim estava tudo perfeito: frio+meu amor = perfeição. Fomos fazendo um passeio antes de ir almoçar e passamos pelos lugares que mais gostamos. Enfim chegamos ao restaurante, e um pouco antes do nosso prato chegar ele sentiu um incomodo nos olhos e falou que precisava ir até o carro (minhas anteninhas logo acharam estranho kkkkkkk), mas ele voltou e não senti diferença nenhuma, ele estava super calmo. Na hora de ir embora, ele não quis ir para o carro logo, paramos em frente a Pedra Azul e ficamos conversando sobre nós dois, daí ele me falou que este ano não teria como me dar um presente de dia dos namorados, eu falei que não tinha problema, e que afinal de contas nosso apartamento estava pronto e que isso era muito bom, foi quando ele respondeu que poderia ficar melhor, então tirou uma caixinha de dentro de bolso com o anel mais lindo do mundo, mais lindo do que todos os anéis que já sonhei, e ele fez o pedido. Eu disse SIM, CLARO, ÓBVIO, COM CERTEZA. Enfim estamos noivos e eu sou a mulher mais feliz do mundo todo. Tem fotos da vista e do anel LINDO.”

2016-06-11 13.11.38

2016-06-11 18.43.30

2016-06-11 14.26.09

Gostaram?

Say I Do.

Comente este Post

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Comentários

  1. Meus olhos estão cheios de água… Que linda história a de vocês!

  2. AAAAAAAHHHHHHH!!!!
    Não acredito que estamos aqui!!!!
    Gente que especial!
    Amei!!!!!
    Nossa história linda aqui no blog!!!!